Anuncio!!

Anuncio!!

quinta-feira, 28 de julho de 2016

Homem que abusou de criança é arrancado de viatura e morto por populares

De acordo com informações policiais, o autor do crime era o foragido da Justiça identificado como William Jeferson de Farias (33). O assassinato foi praticado quando William foi flagrado no momento que ele estuprava a irmã da vítima, uma menina de nove anos.

A criança ouviu gritos de socorro e quando tentou impedir que sua irmã continuasse sendo abusada, levou uma facada, agonizou e morreu. A criança ficou com a arma cravada no corpo. William com medo de ser preso, pegou a vítima no colo e correu pedindo ajuda,  dizendo que o menino havia sido atacado por uma onça.
O homem foi até o trabalho da mãe da criança e pediu socorro. A vítima do estupro muito assustada, chegou ao local e disse a mãe que Wiliam tinha matado seu irmão. De imediato a mulher chamou a polícia, que prendeu o homem e colocou na viatura.

Populares começaram a chegar próximo ao carro oficial e ameaçavam pegar o suspeito. Dois caminhões toreiros se aproximaram rapidamente, um fechou a frente e o outro a traseira da viatura, impedindo sua locomoção, momento que a população avançou sobre o veículo e retirou Willian. A partir deste momento o acusado foi linchado, com socos, pontapés, pauladas e pedradas. Moído e morto de pancadas, o corpo do homem ficou caído na via aguardando a perícia técnica.
William era um bandido de alta periculosidade e no início do ano havia matado um primo de um PM, degolado em Porto Velho.  Os policiais disseram que não tiveram como evitar o ataque, pois eram mais de 200 pessoas revoltadas, armadas com paus e pedras.

O corpo da criança de 5 anos foi removido para o Instituto Médico Legal e será entregue a família para sepultamento.