Anuncio!!

Anuncio!!

quinta-feira, 11 de agosto de 2016

Quimioterapia na gravidez pode reduzir infertilidade das filhas

A quimioterapia aplicada a mulheres grávidas que lutam contra o câncer pode afetar a fertilidade das filhas quando chegarem à idade adulta


Um recente estudo da Universidade de Edimburgo revela que o etoposido – fármaco usado no tratamento de quimioterapia contra o câncer – pode reduzir a fertilidade dos fetos do sexo feminino quando tomado pelas mães durante o período de gestação.


Conta o Mirror que o estudo indica que este tipo de tratamento pode danificar o desenvolvimento do tecido dos ovários, algo que trará consequências a nível de fertilidade na idade adulta. Esse estrago acontece porque o fármaco faz cair em 90% a formação dos folículos dos ovários, estrutura que determina a capacidade da mulher reproduzir.

O estudo teve por base a análise em ratos de laboratório, mas os cientistas acreditam que o impacto seja semelhante em humanos.