Anuncio!!

Anuncio!!

domingo, 23 de outubro de 2016

Preparador Físico do Ferrim fala do condicionamento do grupo tricolor

Renneé Fontenele | 23/10/2016 |
Preparador Físico Filho Silva conversa com jogadores antes do confronto. (Foto de Renneé Fontenele/Ascom)
Satisfeito com o que viu em campo no sábado último (22), o preparador físico do Ferroviário Atlético Clube, contudo, não dorme ‘no ponto’ e, de perto ou de longe, se mantém observador, sob a filosofia do ‘pé no chão’.

Não foi porque a equipe Sub 18 se mostrou bem condicionada na partida contra o Caça-Talentos que haverá excesso de confiança e, porque não dizer, algum tipo de acomodação. Pelo contrário, para o preparador físico tricolor, o desenvolvimento deve seguir uma dinâmica e conseguir chegar até o trabalho de manutenção é o objetivo. Aliás, todo o trabalho realizado pelo Sub 18 está voltado, sobretudo, ao Campeonato Piauiense Sub 19.

Trabalho sério de aquecimento antes do jogo. (Foto de Renneé Fontenele/Ascom)
“Condicionamento físico muito bom, até porque, normalmente, a gente faz uma preparação física visando um jogo de noventa minutos, e consta no regulamento (da II Copa Integração) que os jogos devem ser de 80 minutos, mas eles têm sido de 70 minutos apenas, e por isso não temos tido nenhum problema e não iremos ter problema, porque estamos trabalhando para tanto e a proposta é a de que os jogadores cheguem ao sub 19 do piauiense já com a parte física bem adiantada, para que lá a gente faça um trabalho só de manutenção”, pontuou Filho Silva.

Aqui, Filho ajudando o beque Pedro, minutos antes da expulsão do zagueiro central. (Foto de Renneé Fontenele)
Já pensando na semifinal da II Copa Integração de Futebol Sub 18, a equipe ferrense retorna aos trabalhos no início da semana, realizando um trabalho na academia Evolução, em Parnaíba.