Anuncio!!

Anuncio!!

domingo, 2 de julho de 2017

Paulo Zullu: “Estou retornando aos gramados”

Renneé Fontenele | 01/07/2017 |
Em treino do Sub18, em 2016. (Foto/Renneé Fontenele/Ascom)
Fora dos gramados desde novembro do ano passado, o goleiro Paulo Zullu está retornado ao futebol. Goleiro do Sub18 do Ferroviário Atlético Clube até sua ausência dos gramados, Paulo, hoje com 21 anos, não vê o momento de retomar as atividades futebolísticas. Aliás, isto já começou, na última quinta-feira (29).

Treino do Ferrim sub18 dia 14 de outubro de 2016 no estádio Verdinho. (Foto/Renneé Fontenele/Ascom)
Quando se ausentou do Ferrim, ainda passou pelo Parnahyba Sport Club, tendo trabalhado no clube azulino por quinze dias. Segundo ele, mesmo tendo sido muito bem recebido no Tubarão, é no Ferrim que está seu futuro.

Em treino do profissional, entre Da Silva e Izaque, no estádio Verdinho. (Foto/Renneé Fontenele/Ascom)
Concedendo entrevista ao Assessor de Imprensa do Ferroviário, Paulo ressaltou que se sente em casa estando no Ferroviário e prometeu voltar com toda a força possível.

Paulo, Denílson e Izaque em treino do Profissional. (Foto/Renneé Fontenele/Ascom)
“Estou voltando ao futebol. Nesta semana, vou renovar meu material e recomeçar forte. Depois que deixei o Ferrim, passei pelo Parnahyba e fui muito bem recebido... fiz amizades, mas no Ferrim me sinto em casa, embora sejam clubes da mesma cidade”, frisou.

No elenco profissional, recebendo instruções do treinador Valdomiro Ferreira, em 2016. (Foto/Renneé Fontenele/Ascom)
Perguntado sobre sua relação com o Ferroviário, Paulo não descartou a possibilidade das críticas, mas as considerou normal. Além de ter destacado a união do grupo tricolor, falou também que se doará ao máximo, a fim de conquistar seu espaço.

Antonio José e Paulo Zullu, goleiros do Ferrim em treino no Verdinho, em 2016. (Foto/Renneé Fontenele/Ascom)
“Tenho amigos no Ferrim e as críticas sempre vão existir, mas serão construtivas que me servirão de aprendizagem. 

Aqui, Paulo auxiliou Filho Silva na II Copa Integração Sub18, cuja competição o Ferrim sagrou-se vice-campeão. (Foto/Renneé Fontenele/Ascom)
A fé da garotada, a união, e com o professor Peixe (Ederlan Moraes) que sempre diz que no Ferrim é como coração de mãe (sempre cabe mais um), vou ter chances... Para isso, vou fazer por merecer, trabalhando forte para que eu possa ser visto”, finalizou Paulo Zulu.