Anuncio!!

Anuncio!!

quarta-feira, 20 de abril de 2016

Armas brancas, celulares e baterias são achados por agentes em prisão


Uma vistoria na manhã desta quarta-feira (20/04) na Casa de Custódia de Teresina feita por Agentes penitenciários resultou na apreensão de uma grande quantidade de armas brancas, celulares e baterias para celular. O material foi encontrado nos pavilhões C e F.

O presidente do Sindicato dos Policiais Civis e Servidores da Secretaria de Justiça (Sinpoljuspi) José Roberto, disse que na inspeção foi encontrado também drogas, cachaça e até cimento.

Os diretores do presídio acreditam que por conta da grande quantidade de arma branca apreendida, os detentos estariam planejando uma possível rebelião nos próximos dias.

E a crítica por conta da superlotação mais uma vez bem à tona. Atualmente estão encarcerados na Casa de Custódia cerca de 900 presos quando a capacidade da unidade é para 340. A quantidade de servidores também não satisfaz às necessidades, o que prejudica o trabalho de fiscalização e tem também contribuído para o número elevado de fugas.